CONFERENCISTAS

Giovanna Grossi

Giovanna Grossi é formada em gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo e pelo Institut Paul Bocuse, em Lyon/França. Giovanna tem em seu currículo casas premiadas, como a Maison Pic (de Anne-Sophie Pic), na França, o Espai Sucre e o Quique Dacosta, na Espanha. Em 2015 conquistou a etapa nacional do Bocuse d´Or e em fevereiro de 2016, foi a vez de Giovanna levar o troféu da seleção latino-americana do Bocuse d’Or. Hoje Giovanna está a frente do Bocuse d´Or Brasil. (texto do autor)

Cristiana Couto

Pós-doutoranda em História da Ciência (PUC-SP). Doutora em História da Ciência pelo Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Possui Mestrado em História da Ciência pelo mesmo Programa. Possui graduação em Biologia pela Universidade Estadual de Campinas e graduação em Jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero (SP). Tem experiência na área de Jornalismo e História da Ciência, atuando principalmente nos seguintes temas: culinária brasileira, culinária portuguesa, medicina e química do século XIX e alimentação. Autora do livro Arte de Cozinha: dietética e alimentação em Portugal e no Brasil (sécs. XVI-XIX). São Paulo, Senac, 2007. Vencedora do prêmio de Melhor livro de história da culinária 2007 pelo Gourmand World Cookbook Awards. (texto do autor)

Gustavo Guternam

Graduado em gastronomia no centro de formação internacional Alain Ducasse, técnico em cozinha pelo SENAC, Pós Graduado em Gestão da Segurança de Alimentos pelo SENAC SP. Experiência no mercado profissional, em cozinhas nacionais e internacionais, atuando como cozinheiro e chefe de cozinha em estabelecimentos do segmento de alimentação e bebidas. Integrante do Fórum Nacional da Educação em Gastronomia e parceiro do Observatório Cearense da Cultura Alimentar – OCCA, atua como coordenador do curso Gastronomia do Instituto Federal Fluminense. Professor nos cursos de Gastronomia e Hotelaria na citada instituição. Exerce consultorias e palestras na área, e é autor da página Guterman Gastronomia, que tem por objetivo a divulgação de ideias, artigos e noticias sobre o mundo da gastronomia, além colunista permanente da revista Infood. (texto do autor)

Elena Castañeda

Chef peruana com vasta experiência em ensino acadêmico e catering especializado. Domínio de técnicas culinárias, especialmente pastelaria, obteve medalhas, prêmios e medalhas. (texto do autor)

Jorge da Hora

Jorge da Hora iniciou a carreira gastronômica na Bahia, cursando a qualificação profissional de Cozinheiro especializado na Gastronomia Baiana, no Senac Pelourinho. Foi chef de cozinha das plataformas da Petrobras do Nordeste, cursou Cozinheiro Chefe Internacional e Sommelier do Centro Universitário Senac/Campus Águas de São Pedro onde tornou-se colaborador da instituição. É graduado no curso de Tecnologia em Hotelaria. Foi docente dos Cursos Livres e Treinamentos Corporativos. Hoje é Pós Graduado em Educação do Ensino Superior e Psicopedagogia com Ênfase em Inclusão Social, docente do módulo de Laboratório de Cozinha do Curso de Tecnologia em Hotelearia e Cozinhas do Brasil do Curso de Tecnologia em Gastronomia e Extensão Universitária de Cozinheiro Chefe Internacional além de ter sido Chefe Executivo dos Hotéis Escola do Senac, o Grande Hotel São Pedro e o Grande Hotel Campos do Jordão. Atualmente é docente do Centro Universitário – Santo Amaro especializado em Cozinha Brasileira e docente da USP (Universidade de São Paulo) no curso de Lazer e Turismo com a disciplina de gastronomia.(texto do autor)

Luiz Fernando Escouto

Possui graduação em Nutrição pela Faculdade de Nutrição do Instituto Metodista de Educação e Cultura (1986), mestrado em Agronomia (Energia na Agricultura) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2000) e doutorado em Agronomia (Energia na Agricultura) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2004). Trabalhou na Faculdade de Tecnologia em Hotelaria, Gastronomia e Turismo de São Paulo ministrando na graduação tecnológica em Hotelaria e Gastronomia: Alimentos e Bebidas, Gestão da Qualidade e Higiene Alimentar. Em nível de pósgraduação em gastronomia as disciplinas: Educação para o Sabor, Gastronomia Avançada e Qualidade como Diferencial Gastronômico. A partir de 2007 assume a docência/pesquisa na FATEC no curso de Tecnologia em Alimentos é titular da disciplina Análise Sensorial e ministra a disciplina: Gastronomia. (texto do autor)

Miche Abras

Mestre em Estudos Culturais Contemporâneos, Gastrólogo e Cozinheiro Profissional, tem como linha de trabalho e pesquisa as Panc’s (Plantas Alimentícias Não Convencionais). Professor na área de gastronomia e culinária no Senac de Belo Horizonte, atua estimulando o conhecimento a cerca destes alimentos carregados de valor sócio cultural e tradicional, promovendo assim o seu resgate, ressignificação e utilização na alimentação.  Docente na área da Gastronomia do Senac Belo Horizonte, atuandoem toda grade da Instituição, com foco na sustentabilidade e aproveitamento integral dos alimentos. Co-orientador no Programa Primórdios da Cozinha Mineira atuando no pilar das Hortaliças Tradicionais / Panc’s na região entre Serras da Piedade ao Caraça, trabalho que desenvolve o resgate e a ressignificação do saber culinário das comunidades envolvidas trazendo a tona produtos e costumes ricos em tradição e cultura local. Sócio proprietário da Companhia Gourmet e PH Gestão para Resultados, empresas que desenvolvem trabalhos de pesquisa, ensino e consultoria voltados para a geração de consciência gastronômica respeitando toda cadeia produtiva desde a produção, colheita (agricultor familiar), comercialização (feiras, mercados e hipermercados), preparo (cozinheiros profissionais ou amadores)e o consumo (consumidor final). (texto do autor)

Nuno Nobre

Autor, Consultor, Gastrónomo e Viajante
Depois de ter colaborado mais de 20 anos com indústrias de todo o mundo e de ter trabalhado como consultor em empresas multinacionais como a Siemens AG, Nuno Nobre fundou em 2006 a NNC – Nuno Nobre Consultoria Lda, uma empresa de consultoria especializada em comunicação, atualmente representada Portugal e Espanha. O seu trabalho concentra-se principalmente nas indústrias culturais, gastronomia e viagens, incluindo investigação sobre a história da alimentação e novas tendências para o turismo. Colabora diretamente com programas, universidades e organizações mundiais para promoção da mudança, empreendedorismo e desenvolvimento económico de comunidades, cidades e países.

Professor universitário na área de empreendedorismo em gastronomia e turismo e criador e promotor de projetos como o Go Foodies, Festival Internacional Ouriço-do-Mar, À Mesa com as Aldeias do Xisto, Endògenos, Platicemar, Festival Caldo de Peixe, entre outros, Nuno Nobre tem a expertise necessária para identificar e criar valor em produtos, origens e recursos ainda por descobrir. ( texto do autor)

Paulo Henrique

Químico – Universidade Federal do Ceará
Mestre em Ciência e Tecnologia de Alimentos – Universidade Federal do Ceará
Doutor em Ciência e Tecnologia de Alimentos –  Universidade Federal do Ceará
Pós-doutorado em Gastronomia Molecular – Universidade Nova de Lisboa
(texto do autor)

Ursulina Maria Silva Santana

Graduação em Bacharel em História pela Universidade Federal da Bahia (1986), graduação em Gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi (2002), graduação em Curso Superior de Tecnologia em Hotelaria pelo Centro Universitário Senac (2000), mestrado em Hospitalidade pela Universidade Anhembi Morumbi (2009), doutora em Ciências da Religião na Pontificia Universidade Católica de São Paulo (2015). Tem experiência na área de Gastronomia, atuando principalmente nos seguintes temas: religiosidade e cozinha, hospitalidade, usos de ingredientes, gastronomia, concurso colavita, cozinha brasileira e práticas alimentares. (texto do autor)

Vanessa Santos

Pós-Graduada em Gestão de Negócios Gastronômicos pelo Grupo Educacional HOTEC-SP, vive a Gastronomia há 21 anos, onde teve a oportunidade de estar envolvida com diversos tipos de empreendimentos da gastronomia. Seu restaurante, que operou entre 1997 e 2008 foi quatro vezes premiado como o melhor da cidade. Em Fortaleza-CE, atualmente é docente de curso superior de Gastronomia, pesquisadora de cadeia produtiva, cultura alimentar e educação em gastronomia no OCCA – Observatório Cearense da Cultura Alimentar, voluntária da ACC – Associação dos Chefes de Cozinha do Ceará, membro do Fórum Nacional da Educação em Gastronomia, e, consultora de gestão operacional em variados projetos, principalmente no premiado O Mar Menino, desde dez/2016.

 

Vanessa Schottz

Nutricionista, professora Assistente do Curso de Nutrição da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ Macaé. É mestre em Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública/Fundação Oswaldo Cruz (2005) e Doutora em Ciências pelo Programa de Pós Graduação em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (CPDA/UFRRJ). É conselheira do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (CONSEA). Integra a coordenação do Fórum Brasileiro de Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (FBSSAN) e o Grupo de Trabalho de Mulheres da Articulação Nacional de Agroecologia. Participa de espaços de controle social de políticas públicas como membro do grupo consultivo a implementação do Programa Nacional de Alimentação Escolar e do grupo de trabalho sobre medidas sanitárias para a agricultura familiar na ANVISA. Atua nas áreas de Segurança Alimentar e Nutricional, Políticas Públicas, Nutrição em Saúde Coletiva, Agroecologia e Gênero e Feminismo. (texto do autor)